sábado, 28 de novembro de 2015



Os líderes das Testemunhas de Jeová na Inglaterra estão orientando os anciãos (equivalente a pastor) congregacionais a destruírem documentos pessoais que possam conter informações comprometedoras para a Organização, inclusive as que tratam de abusos sexuais. 

O que há de novo? Que esse assunto seja tratado com a máxima urgência e diligência, sendo assim a Organização enviou a todos as Comissões de Serviço uma lista de tarefas (checklist) a realizar, de modo a que nada falhe.



Essa lista de tarefas (checklist) até mesmo estabelece o prazo máximo de 31 de Dezembro de 2015 para a situação estar resolvida.



​Abaixo o documento original enviado (em inglês).

Tradução:
2015 - CHECKLIST PARA AUDITORIA DE ARQUIVOSA Comissão de Serviço da Congregação deve realizar essa auditoria antes de 31 de 2015. 
Tudo declarado abaixo está relacionado com informações armazenadas em papel ou formato eletrônico.
Assinale as caixas à medida que finaliza cada tarefa.
[ ] Cheque com todos os anciãos para confirmar que cada um destruiu seus ficheiros pessoais:Todos os assuntos e minutas das reuniões de anciãos (menos minutas de reuniões de negócios). Nota: Nenhum ancião deve receber uma cópia pessoal de minutas de reuniões de anciãos. Procurar por minutas que tiverem sido revisadas devido a erros e que estejam na posse de algum ancião.Todas as notas pessoais tomadas nas reuniões de anciãos (exceto aquelas baseadas em discussões de esboços do Escravo Fiel e Discreto e das que não fazem menção de pessoas em particular).Quaisquer outros registros pessoais, notas ou correspondência que refira pessoas em particular. Se um ancião acredita que algo deve ser mantido na congregação, ele deve entregá-la à Comissão de Serviço da Congregação.Os três pontos acima não se aplicam ao arquivo da congregação.O SEGUINTE APLICA-SE AO ARQUIVO DE CONGREGAÇÃO:[ ] Certifiquem-se que os registros judicativos estão de acordo com as diretrizes encontradas nas seguintes referências: ks10 2:16, pontos 2, 3; 2:21, ponto 8; 5:39, 41, 62, 7:34; 9:2, 3.
[ ] Certifiquem-se que todos os registros relacionados com abusos sexuais de crianças estão em harmonia com o ks10 2:16, ponto 3 e 5:39.
[ ] Destruir todas as minutas de reuniões de anciãos. Certificar-se que minutas não sejam nada mais que simples notas de decisões em harmonia com o ks10 2:6.
[ ] Verificar o arquivo para se certificar que não contenha qualquer carta ou documento desnecessários.

-------------------- ---------------------------------------------------------- -------------------------------------------Data Coordenador do Corpo de Anciãos Secretário Superintendente de Serviço
NÃO ENVIE ESTE FORMULÁRIO AO ESCRITÓRIO DE FILIAL. Torne-o disponível ao Superintendente de Circuito com os arquivos de congregação para inspeção durante a visita que cai entre Fevereiro e Agosto.

​Que razões existirão para tal urgente demanda na destruição de documentos e notas pessoais na posse de anciãos?
Conforme explica Marc, um ativista e ex-Testemunha de Jeová na Inglaterra, é muito provável que isto esteja relacionado com os muitos escândalos que têm surgido relativamente aos casos de abuso sexual de menores (ver vídeo no final).
O próprio documento salienta esse aspeto, quando diz:​ "Certifiquem-se que todos os registros relacionados com abusos sexuais de crianças estão em harmonia com o ks10 2:16, ponto 3 e 5:39."



Depois de ler isto, conclui-se que a intenção dessa denominação religiosa é eliminar todas as provas documentais de julgamentos sumários e unilaterais que acontecem nas sua comissões judicativas (um tribunal eclesiástico que julga adeptos "transgressores"). Julgamentos esses que o "acusado/culpado" não tem o direito de qualquer advogado. Ninguém está presente, a não ser os anciãos (equivalente a pastor) e o "réu". 



Outra questão é que com todos os problemas que os líderes das Testemunhas de Jeová estão enfrentando mundialmente com vários casos de abusos sexuais vindo a tona será mais sensato, para eles obviamente, que não exista vestígios ou provas documentais que possam ser usadas contra eles. 

Não admira que depois do escândalo que foi a comissão australiana, a organização das Testemunhas de Jeová esteja a se preparar para evitar um dano ainda maior para a sua credibilidade, tentando evitar ao máximo que registos pessoais e congregacionais caiam nas mãos erradas de alguém, especialmente investigadores destas comissões.

Para mais informações veja:

AUSTRÁLIA: TESTEMUNHAS DE JEOVÁ ACOBERTARAM MEIO SÉCULO DE ABUSOS SEXUAIS CONTRA CRIANÇAS!

INGLATERRA: BBC NEWS APROFUNDA INVESTIGAÇÃO SOBRE PEDOFILIA ENTRE AS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ!

Créditos e agradecimentos:




10 comentários:

  1. Que procedimento inapropriado e ridículo para aqueles que dizem viver a verdade!!!!Pra que destruir arquivos se dizem falar apenas a verdade??Pra que esconder dos homens se não podem ocultar essas práticas abomináveis de Deus??Será que as TJs não acreditam mais que Deus seja onisciente e onipresente??As TJs realmente é um grupo religioso que vive de aparências!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca acreditaram nisso de onisciência e onipre
      sença.

      Excluir
  2. É porque eles não têm a verdade é nem tão pouco falam a verdade. Estão com medo de queimar o rabo de palha.

    ResponderExcluir
  3. Quem tem culpa tem medo. Se a consciência não pesasse está reação não tinha razão de ser. E então o grupo jurídico que trabalha para esta organização, como vão responder perante está atitude? Eles sabem que destruição de provas é crime.

    ResponderExcluir
  4. O lema continua a ser "nós somos os escolhidos de Deus" logo não pode haver falhas se alguém falha trata-se do assunto na congregação no maior sigilo.Lembro-me de o meu pai participar em comissões e em casa não nos dizia nada.

    ResponderExcluir
  5. Lembro-me muito bem, quando em criança e jovem, acreditava e cumpria, persuadido, em todas as palavras eloquentes que me incutiram durante os meus joviais anos...

    ResponderExcluir
  6. Acobertamento é crime. O dever é entregar estes documentos a polícia.

    ResponderExcluir
  7. As verdades envergonham porque o podre esta bem la dentro e muitos gostavam k n estivesse

    ResponderExcluir
  8. Tenho pena das Tjs que ali estão sem saber do lado oculto da Torre de Vigia! Espero que um dia eles possam ver e decidir se fica em uma religião cheia de erros e hipocrisia camuflada!

    ResponderExcluir
  9. Nada a ver! existe uma orientação antiga de que toda e qualquer documento de comissão judicativa que tenha vencido o prazo de 05 anos sejam destruída. Independente o caso. Alguns anciãos não estavam seguindo essa orientação e isso acabava por prejudicar irmãos e irmãs que já haviam corrigido sua vida e passado tempo de sua disciplina. Já servi como ancião e hj estou desassociado, servi como instrutor de curso de ancião e pioneiros. Também servi como coordenador de corpo de ancião. e nunca, nunca me foi orientado seja por outro co-ancião ou pela Associação que deve-se acobertar pedófilos. Ao contrário: toda acusação de pedofilia se deve tratar com seriedade e rigor. E ainda vale a regra que quem tiver problema com pedofilia (acusado) mesmo que esse fato tenha ocorrido antes de conhecer a Jeová: essa pessoa não poderá servir em cargo ou ter privilégio especial. Aqui se fala muitas besteira com o fim de justificar o desejo de se fazer o que é errado. simples e claro!

    ResponderExcluir

Esse espaço é para um diálogo construtivo...agressões, palavrões ou mesmo ataques pessoais vão ser solenemente excluídos. Comentários que tem uma base de raciocínio e um desejo sincero para aprofundar sobre os temas citados serão muito bem recebidos e publicados. Seria interessante (não obrigatório)ao postar o usuário se identificar!